Jaqueline: Ela é tudo para mim, diz Eliane sobre a filha

Hoje a história será da filha de Eliane, Jaqueline, de Campo Grande/ MS.

IMG-20160215-WA0081

Eliane descobriu que Jaque tinha Microcefalia quando a menina tinha  seis anos. Ela nasceu de sete meses, e quando Eliane estava no seu terceiro mês de gravidez, seu esposo, contraiu a Rubéola e por serem próximos acabou afetando o desenvolvimento de Jaqueline. Um parente do pai de Jaqueline chegou a supor o aborto, Eliane foi determinada e levou a gravidez até o fim. No sétimo mês de gravidez Jaqueline já queria vir ao mundo. A bolsa estourou, e nascia Jaqueline, cuja cabeça, conta a mãe cabia na palma da mão .

Com o passar dos anos Eliane percebeu que a filha não era normal. Levou em postos de saúde e em um dos postos uma médica pediu exames, pois ao medir a cabeça de Jaqueline percebeu que ela era pequena para a idade que tinha. Foi daí que foi diagnosticado a Microcefalia e uma previsão assustadora por parte da médica que a  atendeu:

“Ela nunca será uma criança capaz de andar”, conta Eliane. E depois disso foi encaminhada para a UCDB, para que Jaque fosse submetida a um exame de audiometria. Foi ai que se constatou que que ela tem uma perda severa de audição do lado esquerdo .

Jaqueline possui dificuldade para ler e escrever, mas apesar de suas limitações, ninguém diz, segundo a mãe que ela é especial. Somente quando conversam com ela.

Jaque  hoje tem 20 anos e é tudo para a mãe,  Eliane. Mãe que não desistiu da filha nem mesmo quando tudo parecia perdido.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s